PROJETO MULHER, FILHA E MÃE

“Sublinharmos que ‘Maternidade nem sempre rima com felicidade’ é a nossa forma de tentarmos diminuir o estigma e a pressão associados à depressão e a outros problemas de saúde mental perinatal. Não basta que este tema seja cada vez mais abordado nos meios de comunicação social e internet (…). É preciso que as mulheres saibam que podem e devem procurar ajuda, sem medo, sem vergonha e sem culpa. É preciso que a ajuda lhes seja dada.” (1)

O Projeto Mulher, Filha e Mãe iniciou em Junho de 2015, e foi fundado pela Enf.ª Ana Vale.

Começou por ser um projeto voluntário e ter como objetivo principal, sensibilizar para a saúde mental perinatal (saúde mental da mulher que vai desde a conceção, até ao primeiro ano após o parto) através da publicação de artigos com bibliografia fidedigna sobre o tema em plataformas online.

Entre Junho de 2015 e Outubro de 2016, foram escritos e publicados em diversas plataformas online cerca de 185 artigos sobre o tema, aos quais milhares de pessoas tiveram acesso de forma gratuita.

Em 2017, o Projeto Mulher, Filha e Mãe  passou a ser também um projeto estruturado para acompanhar mulheres e famílias com risco e/ou com alterações emocionais na gravidez e no pós-parto.

Desde então já iniciaram acompanhamento dezenas de mulheres/casais/famílias, e o número continua a crescer!

Atualmente, o Projeto Mulher, Filha e Mãe é um dos principais projetos de apoio à parentalidade do Centro Materno-Infantil Árvore dos Bebés e foca-se no acompanhamento individual e em grupo de mulheres e famílias com risco e/ou com alterações emocionais na gravidez e no pós-parto, e objetiva ajudá-las a sentirem-se mais seguras enquanto mães, no cuidado consigo e com os seus bebés e a transitar para a maternidade da forma mais tranquila possível a vários níveis, especialmente a nível emocional.

Contacte-nos e saiba mais sobre nós e sobre o projeto!

Enf.ª Ana Vale

Enfermeira Especialista em Saúde Mental
(1)-Macedo, A.F.; Pereira, A. T. (Coords) (2014). Saúde Mental Perinatal: Maternidade nem sempre rima com felicidade. Lousã: Lidel.

Missão

Que as mulheres transitem para a maternidade da forma mais tranquila possível, tendo em vista o seu bem-estar emocional, do(s) seu(s) bebé(s), companheiro(a) e família.

Alterações Emocionais

Quando há um desequilíbrio emocional na gravidez e/ou no pós-parto, a mulher, o companheiro (a), ou ambos, podem passar por algumas alterações emocionais, podendo sentir, maior preocupação, ansiedade, irritabilidade, tristeza, insónia, falta/excesso de apetite, perda de energia física e emocional, perda de confiança e autoestima, diminuição da capacidade de concentração, vontade de se isolar(em), estar obsessivamente focada(o) no bebé e na sua segurança e higiene (por exemplo), ou o oposto, sentir(em) medo de estar(em) sozinha(os) com o bebé e/ou de cuidar(em) dele, sentir culpa por considerar que não é boa mãe o suficiente, entre outros.

 

Passar por todas as emoções acima identificadas poderá ser naturalmente decorrente do momento presente afeto à transição para a maternidade/paternidade, contudo, quando se torna numa constante, dia após dia, e quando traz dor emocional associada, poderá ser difícil lidar com esta realidade, acentuando as dúvidas, medos e inseguranças subjacentes.
No nosso Centro Materno-Infantil, através do Projeto Mulher, Filha e Mãe, encontrarão um espaço tranquilo, acessível, com profissionais qualificados, consultas e sessões individuais e em grupo específicas para lidarem da melhor forma com estas alterações emocionais.

É preciso que a ajuda lhe seja dada.

Contactem-nos ou marquem uma sessão connosco via online ou presencial .

Acompanhamento emocional na gravidez e pós-parto

No que consiste a consulta de acompanhamento emocional?

É uma consulta realizada por um enfermeiro especialista em saúde mental perinatal e objetiva, no geral, o seguinte:

  • Promover o bem-estar emocional da mulher/homem/família, nesta fase do ciclo de vida;
  • Empoderar as mulheres/homens/famílias, nesta fase do ciclo de vida;
  • Facilitar o encontro de forças* que permitirão o desenvolvimento do papel materno/paterno e a transição para a maternidade/paternidade, de forma segura e tranquila.

Podem adquirir mais informação, aqui.

 

Quem é que nos pode contactar para acompanhamento emocional?

Qualquer pessoa que considere ter risco de/estar a passar por alterações emocionais na preconceção, gravidez ou pós-parto (até três anos após o parto), ou qualquer pessoa que considere que conheça alguém que poderá estar a passar por alguma alteração emocional nesta fase de vida e que gostaria de esclarecer determinadas questões, por exemplo.

 

Como faço para me marcar consulta de acompanhamento emocional?

Basta entrar em contacto connosco (via telefone ou email), e pedir para marcar consulta de acompanhamento emocional na gravidez e/ou pós-parto. Será reencaminhada/o para entrar em contacto com a Enf.ª Ana Vale que, de acordo com a disponibilidade de ambos, efetivará a marcação de uma consulta de acolhimento.

Como funciona o Acompanhamento Emocional?

Os desequilíbrios emocionais na gravidez e no pós-parto são frequentes. Entre em contacto connosco e saiba como podemos ajudar.

Cada consulta é uma nova descoberta sobre mim mesma

"Cada consulta é uma nova descoberta sobre mim mesma, uma viagem que só poderia fazer desta forma acompanhada. Uma viagem que me permitiu ser melhor pessoa, melhor mãe, melhor mulher."

Anonimo

Jamais esquecerei

"Jamais esquecerei aquilo que para mim foi o inicio da maternidade, e em com a ajuda da Enf.ª Ana foi fundamental. Sentir-me mais segura enquanto mãe e mulher, podermos esclarecer várias questões enquanto casal, todo o apoio... é inesquecível para nós, e isso refletiu-se na nossa relação enquanto casal, e enquanto família. Obrigada por este projeto fantástico!"

Anonimo

As consultas com a Enf.ª Ana permitiram sentir-me mais segura e confiante

"As consultas com a Enf.ª Ana permitiram sentir-me mais segura e confiante enquanto mãe e mulher. Mais do que a partilha, conversar com a Enf.ª Ana permitiu-me esclarecer várias dúvidas sobre o pós-parto, sobre a família e resolver algumas confusões que tinha dentro mim. Ficarei para sempre grata."

Anonimo

Somos um espaço de apoio materno-infantil com especial enfoque na promoção do bem-estar emocional na gravidez e pós-parto e na promoção de um desenvolvimento infantil saudável e equilibrado


Arvore dos Bebes – Copright 2018 - Todos os direitos reservados

Receba nossas noticias:

Siga-nos